Tatah Café

Tatah Café é escritora e designer gráfica. Escreve poesia, conto, romance e crônica e publicou Nota Afetiva – entre memórias poesias e leituras crônicas (2017| Crônica | Editora Garcia) e Amores e Licores – memórias do paraguçu (2017 | poesia | Lura Editorial).

Citações

"Ser mulher negra é como a maré que enche, que toca a areia da praia todos os dias."

Mini Biografia

Comecei escrever porque tinha falta de ar e não podia brincar de tudo como as outras crianças. Então eu sempre tinha um caderno para desenhar e anotar – sempre funciona para a criança ficar quieta. Depois comecei prestar atenção nas letras das músicas – minha inspiração literária principal – que meu pai ouvia e depois nos discos infanto-juvenil que minha mãe comprava para mim e minha irmã. E foi uma sucessão de percepção do poder da palavras atrás da outra até que eu percebi que se eu não escrever eu morro. Escrever é como andar de bicicleta, se você para de pedalar se desequilibra e cai, ainda que tenha pegado um impulso na ladeira.

Outras escritoras de Santo Antônio de Jesus: